29.7.07

Pastéis de Tentúgal



Andava há algum tempo com vontade de experimentar uns pastéis de tentúgal que vi aqui. Mas para isso precisava encontrar massa “Filo”, o que não foi uma tarefa muito fácil. Após algumas andanças, lá consegui finalmente encontrar a dita massa e hoje de tarde, depois de pôr a minha bimby (abençoada máquina) a fazer os ovos moles, meti as mãos na massa e resultado foi o que podem ver na foto. Ficaram uma delícia.


Os ovos moles

(transcrevo a receita, tal como a Ana1 a colocou no fórum dos bimbólicos, e que podem ver aqui):

140 gr. de água

250 gr. de açúcar

8 gemas


Prepara-se a calda de açúcar, deitando-se no copo da Bimby a água e o açúcar. Programa-se 17min, temperatura Varoma, vel. 1 1/2. Quando acaba o tempo deixa-se arrefecer um pouco.

Desfazem-se as gemas. Coloca-se a borboleta e progama-se 5min, temperatura 100, vel 1. Com a máquina em andamento juntam-se as gemas em fio pelo bucal e deixa-se acabar o tempo. Quando acaba o tempo retira-se rápidamente do copo para um recipiente.


Os pastéis:

Abre-se a embalagem da massa filo e colocam-se as folhas em cima de um pano húmido. Retira-se uma folha, que se unta com margarina derretida, e à qual se sobrepõe outra folha. Com uma faca afiada corta-se então essa folha em quatro quadrados que se recheiam com o doce de ovos. Para isso coloca-se uma colher de recheio na ponta de cada quadrado de massa. Enrola-se e dobram-se as pontas para cima.

Levam-se depois ao forno aquecido a 170º durante 15 minutos.

Polvilham-se com açúcar e canela.

6 comments:

Laranja com Canela said...

Ficaram lindos! Parabéns.
Ainda nunca vi uma bimby "ao vivo"....mas parece-me excelente.

Soraya said...

Obrigada. E ficaram deliciosos também. A bimby é mesmo uma grande ajuda. Tudo o que ela faz sai sempre bem, não estou a exagerar. E eu não a uso a 100%. Aconselho-a a conhecê-la.

Romy said...

Divinais soraya... aqui tenho muitos junto a mim...eheh

então para que fazer, verdade?

os teus ficaram lindos ;-)

Soraya said...

É verdade romy, não há como os originais. Sempre que passo por Coímbra, tenho duas paragens obrigatórias, uma é no Zé Manel dos Ossos, a outra é na confeitaria Afonso.
Ai que saudades...

Marizé said...

Olá soraya. Há muito tempo que procuro a massa phylo, será que me pode dizer onde encontrou? Obrigada.
Gostei de conhecer a sua cozinha vou voltar mais vezes.

Soraya said...

Olá Marizé, ainda bem que gostou da minha cozinha, vou já visitar a sua também.
Relativamente a esta massa, não foi muio fácil de encontrar, procurei no Pingo Doce e no Intermarché, mas só a encontrei no Jumbo. No entanto, durante as férias vi que também existe no Modelo. Espero que encontre.